Apagar (ou não) o blog!

5 de abril de 2014

 
Sempre quis ter um blog, sempre sonhei em ter um blog. Contudo é mais fácil quando sonhamos e depois na realidade não é bem assim, adoro o meu blogue e adoro estar por aqui, mas às vezes penso em apagá-lo. Penso que se calhar não tenho jeito para ser blogger e que o que escrevo sai tudo ao lado, se calhar o meu lugar é do lado de lá, do lado de quem lê e não de quem escreve!

10 comentários:

  1. Eu acho que não é preciso ter jeito ou não para um blogue mas se meteres isso nesses termos então eu tenho a dizer que tu tens muito jeito para o ser! Com o tempo vamos aprendendo a aperfeiçoar as coisas apesar de o teu blogue já está muito bom. Gosto muito do teu blogue e espero que não o apagues :)

    ResponderEliminar
  2. Acho que todas pensamos assim mais dia, menos dias. Tens de ter confiança em ti e se é mesmo um blog que queres ter continua. Não penses no que os outros acham e faz o que te faz feliz :)

    ResponderEliminar
  3. Mas o que é ter jeito para ter um blogue? Um blogue é o teu espaço pessoal, escreves sobre o que te apetecer, não é para os outros mas sim para ti querida e tens de te sentir bem com ele, porque é o teu espelho. Espero que não o apagues gosto muito do teu blogue querida <3

    ResponderEliminar
  4. Eu gosto muito daquilo que cá pões :) acho que não o devias apanhar! o blog é teu, "cada um dá o que tem" e partilha o que gosta de partilhar :D e eu gosto muito de cá vir ♥

    ResponderEliminar
  5. Acho que estás enganada, encaixas perfeitamente em qualquer um dos lados. Não apagues.

    ResponderEliminar
  6. Que disparate... o blog é um cantinho nosso e lê quem quer... é como a nossa vida há sempre vidas melhores e piores e não é por isso que vamos saltar pela varanda... temos é de lutar por a ter o melhor que conseguimos... o teu lugar é onde te sentes feliz :D

    ResponderEliminar
  7. Espero que já te tenha passado essa ideia...eu adoro passar por cá, adoro ler o que escreves, seja sobre moda e maquilhagem (com dicas muito interessantes, digo já), seja sobre assuntos mais pessoais...Não gostava que fosses embora...

    ResponderEliminar
  8. Que tonta, eu adoro o que escreves

    ResponderEliminar