Sobre a notícia que está a chocar o país.

23 de dezembro de 2015

O que mais me revolta neste mundo é a morte. Odeio a morte. Tenho medo da morte. Não só da minha, mas principalmente da morte dos que me rodeiam. É horrível. É horrível as pessoas desaparecerem. É horrível fazer-mos planos e de um momento para o outro eles deixarem de existir. 
É certo que o planeta não aguenta com toda a gente, é certo que tem de ser mesmo assim... É verdade que é a lei da vida, mas porra! Já basta as mortes que não podem MESMO ser evitadas? Os acidentes horríveis que fazem com que uma pessoa deixe de existir em segundos, as doenças que vêm sem qualquer retorno, aquelas mortes imediatas que nos deixam a pensar qual o sentido desta vida... É algo que não podemos controlar e não quero dizer que a morte do David era evitável, o problema é esse: não sabemos. Não se chegou a saber. Não se pode dizer que tentaram tudo e não foi possível. Isso sim é revoltante. Merda para este mundo e para este país que se preocupa com tanta coisa inútil e não se preocupa com as coisas que são realmente importantes.
Revolta-me muito esta história dos médicos, dos hospitais... Soube esta semana de um caso de uma pessoa com Leucemia que foi de Leiria para Coimbra para ficar internada, para fazer um tratamento, e simplesmente voltou para trás porque não tinha cama... Enfim. É melhor ficar caladinha. Não sou eu que vou conseguir mudar isto, infelizmente, mas é preciso tomar medidas. Eu sei que é difícil. É fácil falar, mas porra. Temos pessoas da área da saúde a ir para fora do país porque aqui simplesmente não há emprego. Ou há empregos mal pagos. E para mim ninguém devia ganhar mais do que um médico... Lidar com vidas não é nenhuma brincadeira, embora às vezes pareça.

1 comentário:

  1. é triste que isto aconteça. revolta-me que nao haja dinheiro para pagar a profissioais qualificados ao ponto de eles simplesmente se recusarem a trabalhar pela miséria que lhes pagam. Compreendo isso super bem. Mas o que me revolta mesmo é eles nao salvarem vidas, que supostamente é essa a sua vocação :/

    estou a seguir-te! segue-me também, se quiseres ;)
    the-not-so-girlygirl.blogspot.com

    ResponderEliminar