Fui ao sushi e não gostei (ou detestei, é melhor assim)

12 de janeiro de 2016

Fotografia:Instagram

Passo a vida a ler no Instagram e restantes redes sociais que o sushi é algo de comer e chorar por mais. Que comiam aquilo todos os dias. Que é algo maravilhoso e de outro mundo e blábláblá. Frases estas que vêm sempre acompanhadas de fotografias bem bonitas e que realmente nos fazem ter vontade de comer (aquela coisa de "os olhos também comem", sabem?). Pois bem. Foram essas frases e essas fotografias que, ao longo do tempo, me suscitaram uma certa curiosidade em ir provar sushi. Fui tendo essa curiosidade, mas nunca me tinha apetecido realmente ir experimentar essa tal maravilha.
Recentemente abriu um restaurante novo, de sushi, lá no shopping. Pedi várias opiniões, disseram-me que era bom e para além disso era bem económico, portanto o ideal para experimentar. Desafiei o namorado e lá fomos nós (ora não alinhasse ele em tudo).
O Bruno ia todo entusiasmado. A minha pessoa ia com a pulga a trás da orelha. Era tudo muito bonito, mas cada vez que me lembrava que aquilo é meio virado para o cru torcia o nariz. Mas pronto. Lá fomos nós. Pedimos o nosso pratinho e fomos atacar no sushi.
Primeiro começou ele. Tipo cobaia. Provou aquele rolinho do salmão, o arroz e a alga (o da direita) e disse que era bom. Depois lá fui eu, cheia de confiança. Briga das brigas foi pegar no caraças do rolinho com os paus. Tive bem perto de pegar naquilo com os dedos (sim, não sou nenhuma lady) tipo hamburguer, mas pronto, não queria envergonhar o rapaz e lá consegui pegar naquilo com os pauzinhos, maaaaaaaaaaas deixei-o cair mesmo dentro do molho. Bingo. Se tivesse sido ao lado tinha era bem pior. Tudo bem. Manti a calma e depois de alguma luta lá agarrei no raio do sushi e meti à boca. Mastiguei em câmara lenta durante algum tempo até que saquei do guardanapo e deitei aquilo fora. Sim. É verdade. Eu fiz isso. Não tentem imaginar. Não tentem MESMO imaginar. Juro que fui discreta. Detestei aquilo e para além disso era uma enorme quantidade não conseguia engolir aquilo tudo. Bebi água até não aguentar mais e lá me ri um bocadinho.
O meu namorado, apesar de não ter amado, lá continuou a comer. Depois ainda experimentei o do meio e até gostei, mas não adorei. Comi. É daquelas coisas que, se não houvesse mais nada, comia.
Dizem que comecei logo pelo "pior", para quem nunca comeu. Provavelmente ainda vou experimentar uma outra vez. Mas só se me pagarem. E também já ouvi dizer que o sushi é do tipo "primeiro estranha, depois entranha". Por isso ainda nada está perdido. Quem sabe um dia ainda vá ser das pessoas que devora sushi.

4 comentários:

  1. Primeira vez que comi, não gostei. Mas entranha mesmo - agora é das minhas coisinhas preferidas para comer! E sushi de shopping não costuma ser do melhor :p

    Jiji

    ResponderEliminar
  2. Eu gostei logo XD Sushi dos shoppings começa logo por ai não é do melhorzinho. Vá pelo menos os self services marados. Exprimentas os basicos aqueles rolinhos só com a alga e salmão?
    Ou o camarão e o arroz? é algo simples. Depois aventuraste no resto ^^

    ResponderEliminar
  3. Nunca entendi essa moda do sushi e sinceramente nem quero experimentar. Posso até estar a perder a melhor coisa do mundo, mas peixe cru: não obrigada!

    ResponderEliminar
  4. Eu também não gostava, hoje em dia adoro ! Mas devo confessar que o de salmão não é dos meus preferidos ahah

    ResponderEliminar