SOBRE O MEU CABELO

20 de setembro de 2017

Sempre adorei ter o cabelo comprido. A maioria das pessoas - exceto o meu namorado - dizem que fico muito melhor com o cabelo curto, mas eu sinto-me bem melhor com ele comprido e no fundo, isso é que importa.
Em 2014 deixei o meu cabelo atingir o máximo de comprimento que alguma vez tinha tido. Estava enorme, mas a verdade é que também estava bastante seco nas pontas porque tenho o cabelo muito fino e tem imensa tendência em secar. Em setembro desse mesmo ano deu-me na cabeça para cortar o cabelo todo certo (tinha o escadeado) e como estava enorme, para o conseguir meter todo certo tive de cortar um bom bocado - foi aí que o meu cabelo morreu para a vida. Deixou de ser um "cabelão" para ser um simples cabelito. Pancadas que às vezes dão na cabeça de uma pessoa.
Em abril do ano seguinte continuava todo certo, mas já estava novamente um cabelo enorme e volumoso, como eu gosto (sei as datas mais ou menos por causa das fotografias), mas a minha pessoa achou que já estava farta do cabelo certo e pumba, foi escadear outra vez! A partir daí esqueçam, parece que nunca mais ganhou vida e fartei-me de andar com uma ponta para cada lado até que em agosto do ano passado decidi cortá-lo todo certo novamente e bem curtinho, como há muito tempo não tinha - quem anda por aqui já há algum tempo certamente que se lembra deste triste episódio (apesar de ter recebido um feedback muito positivo da vossa parte, nessa altura).
Depois disso só voltei a cortar as pontas e pedi para me cortarem um bocadinho mais curto à frente, mas mantendo-o direito a trás. 
Agora que já passou o verão é altura de ir cortar as pontas pelo menos. E apesar de já estar novamente farta de ter o cabelo direito é mesmo só isso que vou fazer: cortar as pontas! Desta vez não me vou meter com ideias... Já sei que o que gosto é de ter o cabelo comprido por isso vou deixá-lo crescer o máximo que conseguir.
No entanto ando com outras ideias... Gostava de fazer madeixas, mas como nunca pintei o cabelo tenho um pouco de receio de me meter nessas coisas. Não sou nada aventureira no que diz respeito ao cabelo! Há pessoas que pintam e "despintam"  voltam a pintar... Isso não dá para mim! Primeiro porque não tenho dinheiro para andar nessas coisas, segundo porque o meu cabelo se estraga muito facilmente e terceiro porque me acho feia muito facilmente - que é assim mesmo - e preciso que o meu cabelo me transmita uma certa segurança. 
Portanto neste momento ando aqui neste dilema... Faço madeixas, não faço madeixas? Eis a questão. Enquanto não me decidir não vou marcar cabeleireiro. Tenho de ter uma ideia mesmo fixa para depois não me arrepender!

10 comentários:

  1. Como me revejo!!! Tenho o cabelo muito fino, bem tento deixar crescer mas chega a uma altura em que não gosto de ver as pontas já um pouco estragadas. Já há algum tempo que também optei por cortar o cabelo a direito, nada de escadeados que na maior parte do dia nos fazem parecer que nem nos penteámos!!!! Em relação Às madeixas, se estás com essa ideia acho que deves arriscar afinal, faz sempre bem a mudança! :) O conselho que te dou é que faças de uma cor não muito diferente do cabelo, que dê pouco mais do que uns reflexos pois se não gostares a diferença não é assim tanta. Podes também experimentar com uma tinta que saia com as lavagens antes de colocares tinta permanente. Fico à espera de saber o que vais fazer :) Beijinhos*

    ResponderEliminar
  2. Vou falar por mim, não o faças.. eu tenho a mesma opinião sobre o cabelo do que tu! Ele transmite-me segurança e adoro tê-lo comprido, muito comprido, nunca o corto, e quando digo nunca é nunca. Aliás as pontas eu corto em casa haha Nunca pintei, nem fiz madeixas, tudo natural e finalmente tenho o cabelo como quero, passados muitos anos :)

    Mil beijinhos,
    http://mimiswardrobe.blogs.sapo.pt

    ResponderEliminar
  3. Miga, esquece as madeixas!
    Para mim o cabelo também é tudo na vida e se ele não estiver à minha maneira é tal e qual como dizes: sinto-me feia nas horas!
    De há um ano para cá tenho vindo a pintar até chegar à cor que quero, mas se fosse hoje não o fazia.
    Sou naturalmente loura, mas um louro escuro, e queria chegar a um louro platinado.
    Já praí desde 2014 que uso o spray clareador da intea. Resultou e não me danificou praticamente nada o cabelo. Seca-o um bocadinho, mas com umas boas máscaras, a coisa ia-se dando.
    O ano passado decidi que ou era platinado ou nao era e fui pinta-lo todo: da raíz às pontas. Não gostei. A raíz clara faz parecer que estou doente.
    Uns meses depois voltei lá, disse isso e disse que queria manter a raíz que estava a aparecer na minha cor natural mas queria platinar mais as pontas (nesta altura ainda não tinha usado descolorante, apenas tinta, e ainda não estava com o cabelo platinado). Assim fizemos: descoloramos um bocadinho do meio para baixo.
    Tudo ok, mas amarelou num instante.
    Voltei ao cabeleireiro para descolorar mais, queria o cabelo quase branco.
    A cor ficou top, mas foi aqui que descambou porque fiquei com uma barra horrível entre o platinado e o meu cabelo natural.
    Obviamente fui la reclamar isso, ajeitaram, mas não está perfeito, nem perto.
    Descontente com isto tudo, e já com o cabelo um bocadinho mais estragado do que queria, decidi ir a outro cabeleireiro para disfarçar a barra.
    Esquece, ficou igual mas com a barra mais para cima --'
    Isto tudo para dizer que para mim chega de pintar.
    Neste momento, vou deixar crescer e queria muito, mas muito mesmo, que um cabeleireiro me tirasse esta barra para poder deixar crescer à vontade sem parecer que tenho uma touca.
    Quando o platinado - que está lindo, atenção - desaparecer por completo, vamos ver em que maré andarei xD

    ResponderEliminar
  4. Temos uma "história de cabelo" muito parecida ahhaah
    Eu fiz umas madeixas muitos discretas á pouco tempo porque estava farto de vê-lo sempre igual e adoro por isso recomendo :P
    segui!

    ResponderEliminar
  5. A questão que importa é: gostas da tua cor natural a ponto de alguma vez quereres voltar a ela? Se sim, esquece as tintas. Nunca mais se fica com o cabelo da cor natural a não ser que deixes crescer, sem pintar, durante uns anos. Tinta resseca o cabelo, mesmo as mais naturais. Se tens tendência a ter cabelo seco, como eu, isso piora com a tinta. Nada que uma boa máscara não resolva, mas é uma coisa que acontece. Madeixas aconselho se forem de um tom natural, uma coisa muito subtil para começar. Sem descolorar porque isso sim, dá cabo do cabelo todo. Acho que te ficaria bem um tom mais claro de castanho, para contrastar com o teu cabelo mais escuro, mas para iniciar eu faria uma coisa mais subtil. É mais fácil disfarçar se não gostares.

    Não me arrependo de pintar o cabelo, mas é daquelas coisas que depois tens que fazer "para sempre", a partir do momento em que começas. Raízes sempre em crescimento é daquelas coisas que eu odeio ver, por isso tinha que andar sempre a pintar. Madeixas recomendo apenas se conheceres um bom cabeleireiro que faça exatamente aquilo que pedires, senão pode correr muito mal.

    Acho que é caso para testares. Experimentas algo mais natural e menos radical e vês se gostas. Se gostares, arriscas mais. Se não gostares, é mais fácil reverter o estrago.

    ResponderEliminar
  6. Posso te dizer que já tive de varias maneiras o meu cabelo mas , agora não troco por nada como ele esta .
    quanto ao mudares é sempre bom uma mudança mas também te podes arrepender como eu fazia
    Beijinhos
    CantinhoDaSofia /Facebook /Intagram
    Tem post novos todos os dias

    ResponderEliminar
  7. Fazes bem em manter as pontas direitas linda e eu se fosse a ti não pintaria a sério. Estou muito arrependida de ter mexido no meu!

    THE PINK ELEPHANT SHOE // GANHA UMA BEAUTY BOX!

    ResponderEliminar
  8. Também só gosto de me ver de cabelo comprido . Quanto às madeixas acho que deves experimentar algo mais subtil para ver se gostas de te ver e só depois é que deves pensar em algo mis radical :p

    ResponderEliminar
  9. Em vez de madeixas faz o ombré, fica super giro e não mexe na raiz do cabelo. Beijinho 😀

    ResponderEliminar
  10. Eu como tu tinha o cabelo bem comprido, achei que estava a precisar de uma mudança cortei-o pelos os ombros e estou a adorar, sinto que tem mais movimento, é mais fácil de cuidar, não podia estar mais satisfeita.
    Eu por acaso já fiz madeixas mas não fiquei muito fã sendo sincera.
    Beijinhos :)
    https://dailyvlife.blogspot.pt

    ResponderEliminar